Minha casa, minha vida: 1 milhão de casas populares




O pacote habitacional que o presidente Lula lançou é mais uma iniciativa sensacional de impacto anticrise. Em investimentos federais, o pacote deve canalizar um valor de, mais ou menos, R$ 34 bilhões para a economia. O objetivo, segundo o governo, é chegar em 2010, com a construção de 1 milhão de casas populares, com prestações baratas e mais acessíveis à população de baixa renda. O dinheiro deverá sair do FGTS e do tesouro nacional.

Lula nas obras no Conjunto Habitacional Casarão Cordeiro em Recife

Minha preocupação, entretanto, com esse "novo plano de habitação", é saber como será feita a urbanização desses conjuntos e como se dará a infraestrutura para o local, no que tange ao transporte, à saúde e a educação. Em Conjuntos Habitacionais que já existem aqui, em Olinda e Recife, esses cuidados foram esquecidos e negligenciados, e hoje, é possível encontrar essas Cohabs em estado precário, sem as coletas de lixo e com esgotos estourados em céu aberto.

A ideia é boa, é verdade! E o plano foi bem aceito pelos produtores de material de construção e pelas construtoras. A expectativa de gerar 260 mil novos empregos com esse pacote, em tempos de crise, também é estimulante. Eu penso que, se não houver empecilhos burocráticos e ele sair do papel, terá sido realmente um projeto válido - independente de ser eleitoral ou não.

O presidente Lula é um otimista e, até mais, alem da conta. Quando esteve aqui, em Recife, chegou a dizer que "o pior da crise já passou". Sabemos todos nós que é dever dos governantes incutir ânimo na população, mas que deve-se tambem ter o cuidado para não criar ilusões.

No entanto, o otimismo do presidente parece realista, principalmente, quando observamos todos os dias analistas e investidores estrangeiros elogiarem o desempenho do Brasil diante da crise, e quando vemos blogueiros famosos e colunistas especializados em economia, falarem que é seguro investir aqui.
Queira Deus que o presidente Lula esteja certo, e que valha a pena mantermos a esperança. Só assim, e quem sabe assim, acabaremos de vez com aquele estigma horrível de que o Brasil não é país sério.

Quanto às milhões de casas populares, eu creio que morar, não ostensivamente, mas bem, é um direito de todos nós. Um direito humano e inviolável.

Atualização: Para saber como fazer o cadastro, acesse:
Programa Minha Casa Minha Vida - como fazer o cadastro
Para saber sobre as inscrições, acesse:
Programa Minha Casa Minha Vida - inscrição.
Foi lançada tambem a segunda fase do programa: Acesse e veja como se inscrever no Minha Casa Minha Vida 2.

202 Comentários:

«Mais antigas   ‹Antigas   201 – 202 de 202   Recentes›   Mais recentes»
Anônimo disse...

Vou contar ua istoriam que aconteceu no interior da Bahia cidade (Canarana) o Lula liberou 500 casas populares a gestora de 2006 a 2010 desviouo recurso e deixou o povo xupano o dedo.

Anônimo disse...

eu queria te perdir uma coisa minha mae sepre fica diserdo que quer uma casa nova meu pai so que saber de carro minha mae nao divese gardado diero nois esdrava na rua ele voi gardardo diero comdomeu pai ficou gasdando no carrodo o se ele nao divese cardado o eu nao esdava de pedindo pra vc realizar eu nao deu roupa eu madei para fer se dennho uma chanse maiseu sei que nao denho uma chanse

«Mais antigas ‹Antigas   201 – 202 de 202   Recentes› Mais recentes»

Postar um comentário

- Comente, é sempre bom saber sua opinião.
- Comentários ofensivos ou mal educados não serão publicados.
- Comentários anônimos serão publicados se relevantes.
- Para criticar, sugerir ou elogiar, vá aqui.